logo

Saiba como evitar lesões no joelho - CLÍNICA VITTÁ ANÁPOLIS

Saiba como evitar lesões no joelho - CLÍNICA VITTÁ ANÁPOLIS

Boa parte dos problemas que acomete essa articulação é causada pelo excesso de sobrecarga. Saiba mais sobre as lesões no joelho! 

 

Apesar de a prática de atividades físicas ser um dos principais motivos para lesões no joelho, o sedentarismo também provoca fraqueza muscular e até mesmo osteoporose. Nesse sentido, as articulações são prejudicadas, causando dores aos pacientes. Portanto, a melhor saída é adotar alguns cuidados preventivos para que os movimentos do dia a dia e dos treinos não provoquem problemas. 

Confira! 

 

Faça aquecimento  

Sem dúvida, o aquecimento antes de práticas esportivas é relevante para a prevenção de lesões no joelho. Inclusive, tal cuidado ajuda a melhorar a performance durante os exercícios mais pesados. 

 

Não exagere na carga 

Ao mesmo tempo, evite sobrecarregar essas articulações escolhendo cargas muito pesadas na hora de usar um aparelho ou montar sua barra. Aliás, agachamentos com peso em excesso são um dos principais vilões para os joelhos. Ao executar suas repetições, preste atenção para eles não ultrapassarem a linha da ponta dos pés. Se isso acontecer, há grande probabilidade de você se machucar. 

Além disso, aumente a dificuldade do movimento aos poucos para o seu corpo se acostumar com o processo. 

 

Fortaleça o corpo em geral 

Certamente, já deve ter percebido que algumas pessoas treinam somente as áreas que proporcionam resultados estéticos evidentes. Só para ilustrar, as coxas e os braços recebem mais esforços que costas, em muitas ocasiões. No entanto, é imprescindível exercitar todos os músculos do corpo.  

Dedicar tempo suficiente para o tronco, por exemplo, contribui para uma postura correta em outros momentos do dia a dia, como uma simples caminhada até a padaria. Dessa maneira, essa região se mantém ereta, evitando lesões no joelho. 

Por outro lado, realizar exercícios focados nos quadris e na região posterior de coxa afeta diretamente a articulação. Ou seja, ao fortalecer os músculos localizados próximos ao joelho, este desenvolve melhor resistência para suportar as cargas. 

 

Cuidado com os sapatos 

Não apenas durante os exercícios físicos, como também no cotidiano, os calçados precisam ser confortáveis. Observe se o par que utiliza conta com um bom amortecedor. Isso é importante para aliviar a pressão sobre o joelho. 

Os sapatos de salto alto também devem ser evitados, visto que geram encurtamento da musculatura da panturrilha. Consequentemente, a região anterior da perna é negativamente atingida. 

 

Fique de olho no seu peso 

É imprescindível ter atenção com o peso máximo recomendado para a sua altura. Afinal, quando esse limite é ultrapassado, o impacto de uma simples passada pode ser entre duas e quatro vezes maior sobre a articulação. Dito de outra maneira, quanto maior o peso corporal, mais chances o(a) paciente possui de desenvolver lesões no joelho. 

 

Receba acompanhamento profissional 

Por fim, realizar exercícios físicos ao lado de professores devidamente qualificados reduz consideravelmente os riscos de lesões. Ademais, antes de iniciar suas atividades, consulte-se com um(a) ortopedista para avaliar as condições atuais do seu corpo. E, após dar início aos movimentos, volte ao consultório com frequência para checar se eles não estão prejudicando suas articulações. 

 

Deseja sair do sedentarismo, mas, tem medo de contrair lesões no joelho? Faça um acompanhamento com os ortopedistas da Clínica Vittá Anápolis por um preço acessível. 

 

Acompanhe nosso perfil no Instagram. 

Agendamento Online
Clique para Ligar

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias para oferecer melhor experiência e conteúdos personalizados, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.


Li e aceito as políticas de privacidade.